quarta-feira, 14 de março de 2018

Absurdo: Bebê gêmeo morre asfixiado após pais saírem e deixarem crianças sozinhas em casa

Pais de 29 anos alegaram que para trabalharem não tinham com quem deixar os 5 filhos pequenos. A filha mais velha de 9 anos foi “encarregada” de cuidar dos irmãos.

Um bebê gêmeo de 7 meses, identificado como A.O.B.P, morreu por asfixia na noite desta segunda-feira (12), na cidade de Rondonópolis (MT). Os pais, identificados como D.O e L.B.F, ambos de 29 anos, foram encaminhados para a delegacia de polícia após levarem a criança já morta para a unidade hospitalar. Conforme informações do 5º Batalhão da Polícia Militar, uma equipe policial foi acionada após a entrada do bebê no pronto atendimento da unidade. A médica de plantão informou que havia dado entrada de uma criança de sete meses sem vida e que a causa da morte seria asfixia. Para a PM, o pai relatou que deixou os filhos gêmeos, uma criança de 2 anos e outra de 7, aos cuidados da filha mais velha, de apenas 9 anos.
Ele disse que saiu com a esposa por volta das 13 horas, para realizar um frete para a cidade de Jaciara. Segundo ele, o casal só retornou às 21 horas e encontraram o bebê embaixo de um cobertor com a aparência escura e em seguida levaram ao hospital, onde foi constatada a morte.
Diante do relato, a PM deslocou-se até a residência do casal e acionou as equipes da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) e da Politec. As crianças que estavam na casa foram encaminhadas para os cuidados do Conselho Tutelar. Os pais foram conduzidos até a delegacia. O caso será investigado pela Polícia Civil.