domingo, 20 de janeiro de 2019

Adolescente é morta a facadas por vizinho presidiário que não retornou de saidão

Uma adolescente de 14 anos foi morta a facadas dentro da casa dela na manhã deste sábado (19), no bairro Água Branca, em Araçatuba (SP).
O suspeito do crime é um vizinho da vítima que cumpre pena por tráfico de drogas, mas não retornou da saída temporária do fim do ano. Os parentes tentaram socorrer Júlia Maria de Lima Mendes, mas ela não resistiu aos ferimentos na cabeça, pescoço e tórax. O homem está foragido.
Segundo a Polícia Militar, o suspeito pulou o muro da casa e abordou a garota que estava dormindo na sala. Há indícios de que o homem tentou estuprar a vítima, que tinha sinais de estrangulamento, informou a polícia.
A mãe da adolescente, que tem um salão na frente de casa, ouviu gritos e teria visto o homem fugindo. O corpo dela foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade. A polícia de Araçatuba está à procura do criminoso.
G1

0 comentários:

O blog não se responsabiliza pelos comentários, são de única exclusividade dos autores, postantes..