Click e Ouça Sua Rádio Online

Entrevista com o Presidente da Famem, Cleomar Tema

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Motorista de aplicativo é estuprada, asfixiada e morta dentro do próprio carro


Uma mulher que prestava serviço para um aplicativo de transporte foi encontrada morta dentro do próprio veículo na madrugada desta terça-feira (8). O caso ocorreu na rodovia Washington Luiz, altura de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

A vítima, Kátia Valéria Nunes Bastos, de 47 anos, era motorista e foi encontrada após uma equipe da polícia fazer um patrulhamento na via. Na ocasião, os policiais avistaram um carro caído às margens da rodovia. Um homem, que tentava sair do local do crime, foi detido pelos agentes.

A polícia trabalha com a hipótese de que a mulher teria sido estuprada e asfixiada. Ainda há indícios de que o acusado do crime, Edvaldo Feliz Duarte dos Santos, teria perdido o controle do veículo ao tentar se livrar do corpo. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) ainda investiga se o crime contou com a participação de outra pessoa.

Em nota, a empresa responsável pelo aplicativo de transporte, para o qual a vítima prestava serviço, informou que repudia qualquer atitude violenta e lamenta a morte da motorista:

"Ficamos chocados em saber que a motorista parceira foi vítima desse crime terrível. Nossos sentimentos estão com a família da Kática neste momento de dor. A Uber repudia todo tipo de comportamento violento contra mulheres e acredita na importância de combater, coibir e denunciar casos que envolvam qualquer forma de assédio ou violência. A empresa informa que o usuário envolvido foi banido e que está totalmente à disposição para colaborar com as autoridades no curso das investigações, nos termos da lei".

(Com informações do Portal do Holanda)
Via Dol

0 comentários:

O blog não se responsabiliza pelos comentários, são de única exclusividade dos autores, postantes..