Click e Ouça Sua Rádio Online

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Sargento da PM é preso suspeito de matar amante grávida e jogar corpo em matagal

A Polícia Civil prendeu e apresentou na manhã desta quarta-feira (23) o sargento da Polícia Militar, José Eronilson Brandão da Silva, como o principal suspeito de matar a funcionária da Panificadora Bessa, Guiomar Santos, por estrangulamento e jogar o corpo da vítima em uma zona de matagal no bairro Floresta Sul, em Rio Branco, no dia 2 de dezembro.
De acordo com informações do delegado, sargento Brandão teria matado a suposta amante após receber a notícias que Guiomar estava grávida dele.
“Depois de uma robusta investigação chegamos através de meios tecnológicos e periciais, provas objetivas, conseguimos chegar a um inquérito bem robusto trazendo pros autos a identificação desse autor do assassinato da Guiomard”, explica o delegado.
Ainda segundo Hessel, a motivação para o crime seria a gravidez da funcionária da Panificadora Bessa que mantinha uma caso extraconjugal com o suspeito.
“A motivação foi a gravidez, pois ele mantinha uma relação extraconjugal com a vítima e ao tomar conhecimento da gravidez decidiu e planejou cometer esse homicídio”, diz.
O delegado explica, ainda, que o suspeito tentou despistar os investigadores colocando no local uma fralda com as iniciais da facção criminosa Comando Vermelho.
” A vítima foi encontrada como uma fralda escrita CV. O suspeito tentou levar as investigações para o crime cometido por uma dessas facções criminosas. Porém, como a polícia conhece o modus operandis dessas organizações criminosas essa situação foi descartada de início”, diz o delegado.
Fonte: Folha do Acre

0 comentários:

O blog não se responsabiliza pelos comentários, são de única exclusividade dos autores, postantes..