Mostrando postagens com marcador Bizarro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Bizarro. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Desafio da 'Momo' ameaça crianças pelo Whatsapp. Um menino morreu em Recife

Desafio da 'Momo' ameaça crianças pelo Whatsapp. Um menino morreu em Recife   (Foto: Reprodução)
Um desafio bizarro, tem circulado pelo whatsapp, conhecido como "Boneca Momo", onde leva pessoas, em especial crianças, ao sufocamento. O desafio não é brincadeira e tem chamando atenção de muitos pais e educadores sobre os limites para o acesso da internet.

Crianças e adolescentes estão se tornando os principais alvos para crimes virtuais, envolvendo desde chantagens e extorsões até casos extremos como incitação a ações que coloquem suas vidas em risco.

No último dia 16, um menino de nove anos, supostamente teria sido induzido a se enforcar por conta do desafio. Ele foi encontrado desacordado pela mãe no dia 15, no quintal de casa, amarrado a uma árvore por um fio de náilon enrolado no pescoço.

"Fiz manobra e respiração boca a boca, ele começou a vomitar o jantar e os vizinhos que estavam jogando dominó na calçada correram e socorreram ele com o pai", contou a mãe. A criança foi encaminhada ao hospital local, mas acabou não resistindo e morreu no dia seguinte.

A delegada Thais Galba, do departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), disse que não tem prazo para conclusão da perícia no celular e tablet do menino e afirma que nenhuma linha de investigação foi descartada. Os pais da criança não acreditam em suicídio.

A polícia investiga outra suposta vítima da boneca Momo, onde um menino de 12 anos foi encontrado com sinais de enforcamento, no bairro de Aldeia, município de Camaragibe. O garoto está internado num hospital particular de Recife.

O DESAFIO

O novo desafio está sendo comparado com o jogo da "baleia azul", que fez algumas vítimas em 2017.
Segundo as autoridades, os riscos do jogo são roubo de informações pessoais, assédio, extorsão, transtornos físicos e psicológicos (ansiedade, depressão, insônia) e incitação ao suicídio ou à violência.

Algumas escolas particulares de Recife já emitiram comunicados chamando atenção sobre esse tipo de conteúdo. Os pais devem orientar seus filhos de que é mais um golpe e comentar sobre a importância de proteger seus dados pessoais na internet.

(Com informações da Folha de PE)
Via Dol

sábado, 7 de julho de 2018

BIZARRO: Porco nasce com rosto 'humano' e assusta a web. Assista Vídeo!

magens bizarras, da China, mostram um porco recém-nascido com um rosto perturbadoramente parecido com o de um HUMANO.

No vídeo, filmado na cidade de Jiangmen, na província de Guangdong, em 28 de junho, um aldeão segura o leitão e o mostra para a câmera.

O animal, incomumente deformado, abre e fecha sua boca, aparentemente ofegando por ar, mas não emite som.

O trágico porco viveu apenas dois dias, segundo relatos.

Veja o vídeo:

No ano passado, um vídeo semelhante surgiu da China de um porco "mutante" nascido com apenas um olho e um pênis na testa.

Nas imagens, capturadas na China, uma mulher orgulhosamente segura o leitão deformado até a câmera.

Visto bocejando e ofegando por ar, o pequeno porquinho infelizmente morreu duas horas após o nascimento depois de ser rejeitado por sua mãe e recusar uma garrafa.

(Com informações de Mirror)
Dol

sexta-feira, 29 de junho de 2018

Verdade ou charlatanismo? Vídeo que mostra pastor retirando rato da barriga de um fiel para acabar com trabalho de macumba volta à discussão na redes sociais.

O vídeo foi publicado em 2015 e já teve, no YouTube, mais de 1,5 milhão de visualizações. Na semana passada, a gravação voltou a ser objeto de discussão nas redes sociais, sobretudo no Facebook. Uns descem o cacete no pastor, chamando-o de charlatão. Outros, defendem-no, afirmando que ele está a serviço de Deus e que o trabalho de macumba realmente existe. O procedimento foi feito durante um culto em algum local onde se fala português.

Com o título “Ungido pelo Senhor Jesus, desfaz uma macumba, e retira um rato da barriga”, no vídeo de apenas 1 minuto e dezessete segundos podemos ver uma pessoa fazendo movimentos firmes com as mãos em cima da barriga de alguém e, ao som de uma voz feminina conduzindo os fiéis com uma oração, o procedimento um tanto quanto… digamos… fora do comum é feito.

Ao final da “cirurgia”, o “médico” retira um rato morto de dentro do umbigo do “paciente” e é revelado, aos gritos de “aleluia” e “glória a Deus”, que dentro da barriga do animal havia inúmeras agulhas! Na descrição do vídeo no YouTube, o rato encontrado na barriga do “paciente” é atribuído a um suposto “trabalho de macumba” que teria sido feito contra o fiel.

Será que isso é verdade mesmo? O que você acha? Deixe sua opinião no espaço reservado a comentários.



ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!


Do Portal do Zacarias

domingo, 25 de fevereiro de 2018

IMAGENS FORTE! Médicos removem o maior tumor cerebral do mundo e ele é assustador


Os médicos vivem sob o desafio de salvar seus pacientes, principalmente os cirurgiões. Diariamente precisam lidar com os mais distintos casos, das mais variadas gravidades.
 
Recentemente, médicos do Nair Hospital, na cidade indiana de Mumbai, ficaram em choque com o estado de saúde de seu mais novo paciente, Santlal Pal, um comerciante de 31 anos.
 
Durante quase três anos, o homem conviveu com um enorme tumor que crescia na parte de trás de sua cabeça. Apenas para que você tenha noção, tinha o peso equivalente a 1,8 quilos!
Era praticamente uma segunda cabeça que Santlal carregava consigo. O tumor lhe rendeu uma série de complicações de saúde, incluindo fortes dores de cabeça e a quase perda total de sua visão, que pode ter sido provocada pela pressão que ele sofria sobre seus nervos ópticos.
 
Santlal é recusado por outros hospitais



Antes de chegar até o Nair Hospital, Santlal já havia passado por outras três unidades médicas. No entanto, nenhum cirurgião quis se submeter aos riscos de uma cirurgia para a retirada do tumor, declarando que o homem não poderia ser operado. Isso porque naquele período, a protuberância ainda não era tão grande... Foi no último ano que o tumor cresceu de forma agressiva.
De acordo com os exames a que foi submetido, apenas 10% de todo o tumor estava no crânio de Santlal.

O restante cresceu sob seu couro cabeludo. Inicialmente, nem mesmo os médicos do Nair Hospital pretendiam arriscar uma cirurgia, pois não tinham certeza de sucesso. Mas felizmente, o médico neurocirurgião Trimurti Nadkarni chamou a responsabilidade para si.

Acompanhado por uma equipe com outros sete cirurgiões e anestesistas, o médico fez a operação no dia 14 de fevereiro. Santlal precisou de nada menos que 11 bolsas de sangue e passou por momentos de intenso perigo.

Mas graças à coragem e competência dos profissionais, o motivo de sua agonia finalmente teve fim. A cirurgia foi um verdadeiro sucesso.

Maior tumor do mundo



Fotos: Reprodução 

Assim que conseguiram retirar o tumor de dentro da cabeça do homem, os médicos ficaram ainda mais perplexos. Duvidaram sobre a existência de outro tão grande quanto, então fizeram uma busca na literatura para tentar comprovar suas suspeitas.

"Nós buscamos na literatura médica de todo o mundo e é o maior tumor a ser retirado com sucesso. Tais tumores grandes são raros e um desafio cirúrgico", disse Nadkarni. Apenas à título de curiosidade, o que possuía o título anteriormente pesava 1,4 quilos.

Atualmente, Santlal está se recuperando na unidade e terapia intensiva do hospital. O grande risco que sofria ficou para tás e o foco agora é em sua recuperação. Ele ainda está cego, mas os médicos acreditam que sua visão pode ser recuperada ao longo do tempo.

E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!
 

Fatos Desconhecidos 

sábado, 17 de fevereiro de 2018

'Bruxa' diz que mulheres devem beber sangue menstrual para melhorar saúde e vida sexual


Ela é chamada de "bruxa". Ela é chamada de "curandeira". Mas Nadine Lee prefere ser chamada de "alquimista tântrica".

A australiana radicada em Bali (Indonésia) vem causando furor ao pregar que as mulheres devem beber o seu próprio sangue menstrual para melhorar os seus níveis de energia e, consequentemente, dar um impulso na saúde, incluindo a sexual.

Nadine, de 30 anos, refere-se ao fluido mensal feminino como "mágica menstrução".
"Beber o seu sangue pode ser uma forma para a mulher clarear o seu caminho e se energizar ao despertar o seu centro espiritual", disse ela, segundo reprotagem do "Sun" .
"Trata-se de se conectar com os ritmos do corpo e usá-los para amplicar a sua vida. (O sangue menstrual) pode ser usado para alavancar relacionamentos, carreira e espiritualidade", acrescentou ela.



Inspirada na tradição xamã de magia, Nadine diz acreditar que "o sangue menstrual é como o sêmen para o homem, uma força vital".

Além da terapia sanguínea, a australiana também ensina, em palestras em vários países, que as mulheres devem passar algum tempo vivendo como animais na mata.



Nadine e suas 'irmãs felinas': mulheres transformadas em animais.
( Fotos: Reprodução / Instagram)
Extra

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Mulher de 38 anos, casada e mãe, é presa após confessar que transou 15 vezes com garoto de 14. VEJA FOTOS


A americana Brooke Lajiness, de 38 anos, está com sérios problemas na Justiça dos Estados Unidos. Brooke, que é mãe, tem filhos e é casada, confessou ter feito sexo “ao menos quinze vezes” com um garoto de 14, o que é considerado crime no estado de Michigan, onde ela vive. Brooke, da cidade de Lima Township, disse que transava com ele no banco de trás do carro, no acostamento de uma rodovia nos arredores da cidade Brooke é acusada de fazer sexo e de enviar nudes para o garoto. Ela disse que mandou as fotos para tentar seduzi-lo. A mulher contou que, na verdade, tem dúvida sobre quantas vezes fez sexo com o garoto: “Calculo que entre oito e até quinze encontros e sempre no meu carro”.
Foi a mãe do garoto quem denunciou Brooke à polícia. Ele e a mãe não tiveram os nomes divulgados. O adolescente confessou ter transado com ela no carro e disse que perdeu a virgindade com a mulher de 38 anos.
O adolescente mostrou as fotos a outros amigos. Revelou aos colegas da escola que “uma mulher mais velha estava insistindo para sair com ele”. Ele acabou aceitando o convite, e os dois tiveram um caso durante meses. Os dois teriam começado a se relacionar no meio de 2016. Após a denúncia feita pela mãe, a polícia prendeu Brooke em fevereiro. Ela foi solta depois de pagar fiança de cerca de R$ 150 mil. Donald Pasternak, da polícia de Michigan, afirmou que Brooke começou a enviar nudes para o garoto quando ele ainda estava no ensino básico. Nas primeiras audiências sobre o caso, o marido de Brooke esteve ao lado dela no tribunal. Brooke está sendo acusada, por exemplo, de abuso, estupro e de enviar material pornográfico a menores de idade. John Vella, procurador do condado de Washtenaw, onde o caso está sendo analisado, disse à imprensa local que a polícia investiga se Brooke se envolveu com outros menores de idade. David I. Goldstein, advogado de Brooke, contesta e diz que a polícia deve se concentra apenas no caso do garoto de 14 anos. Brooke e o marido estão casados desde 2001 e têm dois filhos. Depois de ser presa e solta sob fiança, a Justiça determinou que Brooke não poderá se aproximar de menores — tirando, claro, seus filhos.  Veja fotos de Brooke:





Fotos: Reprodução 

Oumarizalense.com

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

BIZARRO! ! Defunto desaparece e caixão é encontrado em rodovia no Maranhão

A arca fúnebre foi encontrada entre as cidades de Arari e Vitória do Mearim, com alguns acessórios como sendo corpo estivesse sendo velado. Varias pessoas foram ao local para olhar o caixão, que estava vazio, mas com sinais claros de que alguém esteve dentro dele.
Confira nas imagens abaixo:



Do Blog Luis Cardoso

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Mãe mata dois filhos e se suicida após sofrer aborto. E teve problemas mentais ignorados pelo psiquiatra!

Os corpos foram encontrados em uma cama da casa, depois que a família contatou a polícia. Macfarlane, que era solteira, estava deprimida após ter perdido seu terceiro filho e a amizade de uma pessoa próxima devido a um caso de infidelidade que foi exposto


Sydnie Macfarlane, 28 anos, de Greenwich, no Reino Unido, matou suas filhas, Dolce Dada, de nove anos, e Rhys Dada, de três, e depois cometeu suicídio utilizando um coquetel de drogas.

Os corpos foram encontrados em uma cama da casa, depois que a família contatou a polícia. Macfarlane, que era solteira, estava deprimida após ter perdido seu terceiro filho e a amizade de uma pessoa próxima devido a um caso de infidelidade que foi exposto publicamente, de acordo com informações do Daily Mail.

O Tribunal de Southwark foi informado que Macfarlane tinha entrado em contato com um psiquiatra dos serviços sociais após ter expressado pensamentos suicidas. No entanto, ele não considerou que ela estivesse sofrendo com problemas mentais após vê-la otimista sobre o futuro, fazendo planos até mesmo de retornar sua profissão de enfermeira.


Contudo, 15 dias antes de sua morte, ela teve exposto publicamente um caso de infidelidade, que não foi discutido em detalhes pelo tribunal. Segundo sua amiga, Shauneen Langford-Bell, no dia em que cometeu suicídio, Macfarlane parecia estar muito chateada.

“Ela disse que tinha me perdido e não tinha mais razões para viver“, disse Langford-Bell. De acordo com o legista Andrew Harris, que cuidou do caso, a morte dos três foi causada por overdose de drogas, possivelmente metadona.


“Ela escondia sua depressão dos outros por meio de drogas e tomou uma overdose letal”, disse ele. “Ela sofria ainda com o estresse doméstico, incluindo problemas financeiros, aborto espontâneo, exposição à infidelidade, perda de uma amiga, potencial combate pela custódia de seus filhos e despejo iminente. Ela estava deprimida, mas procurou e recebeu ajuda familiar, mas não tomou nenhum dos antidepressivos ou ligou para as linhas de aconselhamento”, acrescentou.

Foi dito ainda que Macfarlane teve uma infância difícil, uma vez que seus pais eram viciados em drogas. Ela também estava prestes a ser despejada de casa, embora sua família tivesse oferecido acomodação em outro lugar.

O pai das crianças, Sean Dada, disse que também tentou acalmar a mulher em relação as preocupações financeiras que tinha, afirmando que cuidaria dos filhos caso ela fosse despejada. No entanto, ela disse que nada disso aconteceria.


Contudo, o psiquiatra Prince Boampong, que atendeu Macfarlane em agosto passado, negou que a saúde mental da paciente fosse motivo de grandes preocupações. Segundo ele, em sua opinião médica, a mulher “não se mataria por causa dos filhos”.

No entanto, quando a polícia investigou a casa, encontrou mais de 30 cartas escritas e inscrições nas paredes da sala, que incluíam frases como: “Ela teme por meus filhos e como uma mãe, devo concordar”, e “estou tirando o que é tóxico deles”.

Fotos: Reprodução / Daily Mail

“Eu diria que ela estava passando por um momento de estresse. Ela estava angustiada, não insana”, disse Boampong. “Durante a avaliação, ela revelou que ela estava deprimida desde os 14 anos de idade, e que estava sentindo mau humor por causa de coisas em sua vida, o principal eram os problemas de habitação. Perguntei-lhe sobre o futuro, e ela foi positiva”, acrescentou. “Sua morte veio como um choque para mim”.

Ao que tudo indica, o médico não será investigado pelo suposto crime de negligência.

Jornal Ciência

sábado, 13 de janeiro de 2018

Casal de obesos decide perder peso juntos para conseguir fazer sexo pela primeira vez

Foto: Reprodução / Metro
Lee Sutton e Rena Kiser, que juntos pesavam mais 570 quilos, perderam mais da metade do peso corporal após passarem por uma cirurgia
Um casal do Missouri, nos EUA, que estava junto há 11 anos, recentemente conseguiu fazer sexo pela primeira vez.

Lee Sutton e Rena Kiser, que juntos pesavam mais 570 quilos, perderam mais da metade do peso corporal após passarem por uma cirurgia. A jornada do casal norte-americano foi relatada no programa de TV My 600lb Life, onde foi revelado que desde que se conheceram nunca haviam consumado a relação, segundo informações do jornal Metro.

Veja também

Lee, que conheceu a amada pesando 320 quilos, conseguiu reduzir a balança para 184 kg enquanto que Rena passou de 247 kg para 127 kg. “Nunca tínhamos feitos sexo antes, mas agora podemos!“, disse Lee. O casal do Missouri começou a namorar após se conhecerem em uma clínica para perda de peso. No entanto, decidiram que se separariam quando viram que o namoro não conseguia ser completo.

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no Facebook e no Twitter.


Mas, após uma consulta com o Dr. Younan Nowzaradan, em Houston, no Texas, o casal decidiu continuar investindo no romance e, para isso, os dois começaram a perder peso juntos. Dois meses depois, Lee foi aprovado para uma cirurgia gástrica. Porém, meses depois do procedimento, retornou aos hábitos alimentares insalubres, bem como começou a ter brigas violentas com a namorada.

Foi somente quando Rena ameaçou deixá-lo que a situação começou a melhorar. Lee decidiu que passaria por terapia para lidar com o abuso doméstico, prometendo nunca mais recorrer à violência. Então, foi a vez de Rena de passar por uma cirurgia. Assim, um ano depois, eles tinham perdido juntos mais de 127 quilos.

Fotos: Reprodução / Metro

Agora, após finalmente conseguirem consumar a relação e estarem mais felizes do que nunca, Lee revelou que está planejando pedir a mão de Rena em casamento, mas somente após eles conseguiram reduzir um pouco mais o número na balança.

Jornal Ciência