sábado, 18 de maio de 2019

VEJA VÍDEO: Travesti invade culto e cobra pagamento de programa a pastor na frente de fiéis

Começou a circular um vídeo nas redes sociais que mostra a situação pelo qual um pastor da Assembleia de Deus passou recentemente. Ele estava pregando para os fiéis, em uma igreja em Pernambuco, quando um travesti chegou ao local.
Sem dar satisfação para ninguém, a travesti foi entrando pela igreja, enquanto o culto estava sendo realizado e caminhou até mais próximo do pastor. Para espanto dos fiéis, tudo que a travesti queria era receber o dinheiro referente ao programa que supostamente fez com o pastor.
Muitos internautas só acreditaram na história por causa do vídeo, já que é uma situação atípica. Enquanto os fiéis olhavam espantados, a travesti continuava com sua cobrança pelos serviços prestados.
Ao que parece era uma dívida antiga e já tinha acontecido algumas tentativas para quitar o débito, como o pastor não pagou, então acabou sendo cobrado na frente de todos.
A igreja ficou em silêncio, os fiéis ficaram exatamente como estavam, querendo ouvir do pastor uma explicação plausível, mas ele também se calo. Após a situação, o religioso resolveu continuar com o culto como se nada tivesse acontecido e os fiéis fizeram o mesmo.
No vídeo abaixo é possível ver o momento exato que o travesti interrompe o culto e enquanto faz a cobrança é observado pelos fiéis e também os seguranças.
Nas redes sociais, muitos internautas criticaram as pessoas que estavam presentes, alegando que elas deveriam ter se levantado na mesma hora e ido embora, pois o pastor estava enganando a todos. Não ficou esclarecido se a dívida era real e se é, se foi quitada.
Itambé Agora

Criança morre e 16 ficam gravemente feridos após ônibus despencar em ribanceira

Criança morre e 16 ficam gravemente feridos após ônibus despencar em ribanceira
Na manhã desta sexta-feira (17), na BR-365 próximo a Varjão de Minas/MG, no Noroeste do Estado, um acidente ocorreu com um micro-ônibus. Por causa da pista molhada, o motorista perdeu o controle do veículo, saiu da rodovia e caiu em uma ribanceira.
No veículo estavam 24 passageiros e o motorista que iam de Ribeirão Preto (SP) para o estado de Alagoas, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).
Uma criança morreu e 16 pessoas, entre o motorista do micro-ônibus e passageiros ficaram feridas. Além de um policial militar. O Hospital Regional de Patos de Minas confirmou que 11 pessoas (sete mulheres e quatro homens, de idades não divulgadas) foram socorridas até a unidade em estado grave. A instituição ainda informou que uma delas está passando por cirurgia neste momento e que todos os pacientes deste acidente estão estáveis.
Os outros cinco ocupantes do micro-ônibus feridos foram levados para o Pronto Socorro de Varjão de Minas. Como as identidades não foram divulgadas, o G1 não conseguiu verificar o estado de saúde deles.
O militar foi socorrido ao Hospital Imaculada Conceição, em Patos de Minas, onde recebeu atendimento médico e já foi liberado.
O Instituto Médico Legão (IML) de Patos de Minas confirmou a morte da criança, de idade não divulgada, que era passageira do micro-ônibus.//G1
Via Itambé Agora

domingo, 12 de maio de 2019

Jovem de 25 anos morre após bater carro de frente com caminhão guincho



Um homem de 25 anos morreu após o carro em que ele estava bater de frente com um caminhão guincho, na manhã deste sábado (11), na rodovia BR-116, em Veredinha, sudoeste da Bahia.
De acordo com informações da Polícia Rodoviária federal (PRF), o acidente ocorreu por volta das 10h, na altura do Km-870. A vítima trata-se de Raelton Santos, de apenas 23 anos, figura muito querida na região de Conquista e Cândido Sales.
Ainda segundo a PRF, investigações no local apontam que a vítima dormiu ao volante, e o carro acabou perdendo o controle. Após o impacto, os dois veículos foram parar em um barranco, às margens da via.
Apesar da gravidade do acidente, a PRF informou que não houve interdição de via.

sexta-feira, 10 de maio de 2019

VEJA VÍDEO: Sargento da PM tira a própria vida na mesa de um bar; cenas fortes

VEJA VÍDEO: Sargento da PM tira a própria vida na mesa de um bar; cenas fortes
O fato aconteceu por volta das 19:00h, de quinta-feira 9 de maio de 2019 na 3° rua do Bairro da Floresta. Segundo informações, alguns moradores ouviram um disparo de arma de fogo  vindo  da casa do  Policial Sargento Hill Natanael Andrade da Silva da  TURMA DE 93 do 15° BPM atualmente estava lotado no CPRX.
De acordo com informações, o Policial Militar estava bebendo com uma amigo, onde o mesmo estaria mostrando como funcionava o manuseio da pistola, foi quando aconteceu a fatalidade.
Segundo a guarnição da PM que estava dando apoio, no estabelecimento, que  tem sistema de monitoramento, foi verificado as imagens,  que  confirma que o tiro foi acidental.
Os militares do corpo de bombeiros foram acionados para atender a ocorrência, mas infelizmente ao chegar ao local foi constatado que o Policial já teria evoluído ao óbito. 
Assista ao vídeo:
.

Tocador de vídeo
00:00
06:00
A Polícia Civil foi acionada para dar início aos procedimentos, para logo acionar o Instituto Médico Legal (IML), para fazer a remoção do corpo para necropsia.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

Corpos Que São Achados Com Bilhete " Tha Ai Os 2 Que Estrupou A Mulher Andresa"; Eram De Estupradores De Universitária

Corpos Que São Achados Com Bilhete " Tha Ai Os 2 Que Estrupou A Mulher Andresa"; Eram De Estupradores De Universitária
[Corpos achados com bilhete eram de estupradores de universitária]
Andreza Nascimento ficou 4 horas em poder de criminosos em Cabo Frio, no RJ — Foto: arquivo pessoal
A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) informou nesta quarta-feira (8) que as investigações concluíram que os dois homens encontrados mortos com bilhete são os autores do estupro cometido contra uma estudante de psicologia na última semana em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio.
Um bilhete com a frase "Tha ai os 2 que estuprou a mulher Andresa (sic)" foi achado perto dos corpos no Jardim Peró no sábado (4). A vítima fez o reconhecimento na segunda-feira (6), mesmo dia em que a polícia conseguiu imagens de câmeras de segurança que ajudariam nas investigações.
A polícia ainda procura pelo terceiro homem que também praticou o crime. As imagens mostram nitidamente o momento em que dois dos homens assaltam um restaurante e pedestres no município enquanto mantinham Andreza Nascimento, de 21 anos, refém.
Abuso durou quatro horas
A universitária e um amigo, que estava de carro, foram abordados por três homens, um deles armado, na porta da casa dela, no bairro Vinhateiro, em São Pedro da Aldeia, entre a noite de quinta (2) e a madrugada de sexta-feira (3).
Em um relato feito nas redes sociais, Andreza afirma ter sido violentada por quatro horas.
"Pensei muito em vir aqui me expor, mas sei que assim vou poder ajudar mais vítimas... Me estupraram durante quatro horas dentro do carro em andamento, com a arma na minha cabeça, arma no meu corpo, tudo que vocês possam imaginar", relatou em post , que já tem milhares de compartilhamentos.
De acordo com o registro feito na delegacia, antes do estupro, o amigo da vítima foi obrigado a dirigir até uma rua de pouca movimentação no Porto do Carro. Lá, ele foi colocado no porta-mala após levar coronhadas..
Após ser violentada, Andreza também foi colocada no porta-malas e os homens ameaçaram botar fogo no veículo. Ela e o amigo conseguiram forçar e abrir o trinco, e encontraram policiais a poucos metros, para quem pediram ajuda.
Os criminosos roubaram os celulares das vítimas.
Bilhete foi encontrado ao lado de corpos em Cabo Frio, no RJ — Foto: Polícia Civil/ Divulgação

sábado, 4 de maio de 2019

Vídeo mostra duas jovens apanhando de criminosos porque roubaram em área de tráfico.

Foto: Reprodução
Que sirva de exemplo para quem pensa em se envolver em crime. Você vai ver duas jovens apanhando de um grupo de criminosos - mulheres inclusive - porque roubaram em área de tráfico.

Deram até sorte, pois na maioria das vezes quem infringe as "leis" impostas pelos traficantes acaba numa cova. 

Onde ocorreu o fato? O leitor que enviou o vídeo para o WhatsApp do "PORTAL DO ZACARIAS" (92 - 99335-3954) não soube dizer.

Portanto, sem mais informações.

VEJA O VÍDEO:

Por João Santana, repórter do "PORTAL DO ZACARIAS" 

Após ter energia cortada, homem tira a escada e deixa técnico pendurado no poste

Após ter energia cortada, homem tira a escada e deixa técnico pendurado no poste
Revoltado por ter a luz cortada, um homem retirou a escada onde um técnico se apoiava em um poste de energia. O homem ficou dependurado na estrutura apoiado por um cinto esperando por socorro. O caso ocorreu nessa segunda-feira (29) no Pará, estado do Norte do país.
O técnico trabalha para a Centrais Elétricas do Pará (Celpa) e não conseguiu ser acudido por um segundo funcionário, que também trabalha para a companhia. O caso foi relatado pelo jornalista Carlos Baía.
Ele destacou que o caso não é para rir, tendo em vista as consequências que ele poderia gerar. “Que o consumidor estava revoltado com o fato isto é notório. Mas, por outro lado, tentando buscar de forma incorreta seus direitos, poderia causar a morte de um pai de família, que ali cumpria apenas ordens superiores. Se este cidadão cai, bate a cabeça e falece? Se cai e fica com problemas físicos ou mentais? Se este é eletrocutado durante a ação revoltosa do consumidor?”, escreveu.
O jornalista defendeu ainda que, caso o morador estivesse em dias com as suas contas, a companhia deveria ser punida. “Agora, se realmente o consumidor estava em dias com sua conta, a Celpa deve ser processada tanto pelo consumidor, quanto o trabalhador, pois ambos, pelo visto passaram por momentos constrangedores”, relatou.

Por meio de nota, a concessionária disse que está acompanhando o caso junto às autoridades.


Fonte: https://mceara.com/apos-ter-energia-cortada-homem-tira-a-escada-e-deixa-tecnico-pendurado-no-poste/#ixzz5n0AQf2yV

quinta-feira, 2 de maio de 2019

MULHER É ASSASSINADA COM TRÊS TIROS NA CABEÇA NA FRENTE DO NAMORADO

MULHER É ASSASSINADA COM TRÊS TIROS NA CABEÇA NA FRENTE DO NAMORADO
Foto: Divulgação
Vanessa estava saindo de casa com o namorado quando foi baleada pelos motoqueiros
Uma mulher identificada como Vanessa Chau da Silva, 28, morreu com três tiros na cabeça, na noite da última quarta-feira, 1, quando saía de sua casa na Rua Bom Jesus, bairro do Zumbi dos Palmares, Zona Leste de Manaus.

Dois homens chegaram rapidamente ao local em uma motocicleta, abordaram Vanessa e logo em seguida um deles disparou os tiros contra ela, na presença inclusive de seu namorado, que foi poupado da morte pelos assassinos.

A polícia não tem nenhuma informação de que algum dos assaltantes tenha roubado algum objeto de valor ou mesmo dinheiro de Vanessa e de seu namorado> Por isso, o crime não é tratado como latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

Vanessa estava saindo para se divertir quando foi atingida pelos
tiros e morreu a caminho do HPS (Foto: Divulgação)

A vítima dos tiros ainda agonizava quando foi colocada em um carro e levada às pressas para o Hospital e Pronto-Socorro Dr. João Lúcio Pereira mas não resistiu aos ferimentos provocados pelos tiros na cabeça.

O namorado de Vanessa deve ser ouvido nas próximas horas na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

terça-feira, 30 de abril de 2019

VEJA VÍDEO: Prefeito é flagrado recebendo sexo oral em elevador de hotel durante marcha à Brasília

Reprodução
O nome oficial do evento é Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, mas, diante de flagrantes episódios de atentado violento ao pudor, a reunião anual bem que poderia se chamar Marcha da Sacanagem. Esta não será a primeira história de político que aproveita a vinda à capital federal, com tudo pago pelos cofres públicos, para cair na esbórnia. Mas certamente é uma das mais flagrantes evidências de que prefeitos, vereadores e assessores se valem da viagem ao DF para tirar o atraso da gandaia.
Com a presença de 5 mil participantes, a 22ª edição do evento, ocorrido entre os dias 8 e 11 de abril deste ano, deveria servir para discutir questões que influenciam o dia a dia dos municípios. No entanto, as câmeras de segurança de um dos hotéis do Setor Hoteleiro Sul, que abrigaram vários prefeitos inscritos no fórum, flagraram duas situações absolutamente inusitadas.
Sem pudor algum, o prefeito de Tibagi (PR), cidade de 20,5 mil habitantes a 1.261 quilômetros da capital federal, aproveitou o elevador para praticar sexo oral. As gravações mostram o momento exato em que Rildo Emanoel Leonardi (MDB) se relaciona com a mulher, supostamente uma garota de programa, que lhe acompanha no trajeto. O flagrante ocorreu na madrugada de 4 de abril, dias antes do início oficial do evento.
O vídeo mostra o prefeito abrindo os botões da calça e sorrindo para a garota de cabelos negros, que segura uma bolsa e um telefone celular.
A jovem se agacha enquanto acaricia o órgão genital do político. A ação cessa apenas quando as portas se abrem. O prefeito paranaense aperta as teclas do elevador para que as portas se fechassem e ele tivesse mais momentos de privacidade. Só que tudo estava sendo filmado. Depois de alguns instantes, ele abotoa a calça e os dois deixam o elevador.
No vídeo, é possível ver com clareza a relação sexual. O Metrópoles optou por preservar a identidade da moça, uma vez que não é ela quem exerce cargo público. O ato libidinoso ocorre em área comum a mais de 200 hóspedes, em estabelecimento que reúne, além dos visitantes, moradores.
À reportagem, o prefeito de Tibagi admitiu que participou de algumas “noitadas” em boates brasilienses durante o período em que esteve na capital por ocasião da marcha. No entanto, Rildo afirmou não se recordar dos “momentos quentes” dentro do elevador.
Segundo o prefeito, a marcha ocorreu há muitos dias. “Me lembro de ter ido a algumas boates e ter bebido, mas não me recordo de sexo oral com nenhuma mulher dentro de qualquer elevador”, disse.

domingo, 28 de abril de 2019

Corpo de menina de 11 anos desaparecida é encontrado enterrado nos fundos da casa do próprio pai

Corpo de menina de 11 anos desaparecida é encontrado enterrado nos fundos da casa do próprio pai
O corpo da menina de 11 anos que estava desaparecida desde a quarta-feira (24) foi encontrado enterrado neste domingo (28), em Rolândia/PR, na região Norte. A informação foi confirmada pela própria mãe de Eduarda Shigematsu, em uma postagem no Facebook.
O corpo foi encontrado por policiais militares nos fundos da casa do pai da menina. Ela foi enterrada com as mãos e com os pés amarrados. A casa fica na Rua Manoel Carrera Bernardino.
O pai de Eduarda, Ricardo Seidi, confessou o crime em depoimento à Polícia Civil. Enquanto a garota estava desaparecida, o homem pedia ajuda nas buscas. Chegou a publicar, na última quinta-feira (25), um apelo nas redes sociais.
Detido, Ricardo Seidi foi transferido para Londrina.
De acordo com o Serviço de Investigação de Crianças Desaparecidas (Sicride), a criança voltou para casa depois da escola, na quarta-feira (24) pela manhã, e depois desapareceu.

sábado, 27 de abril de 2019

Idosa de 68 anos é espancada durante assalto; vítima teve fratura na perna


(Foto: Reprodução / TV Bahia)
Uma idosa de 68 anos foi espancada e teve o carro levado durante um assalto na porta de um banco, no bairro de Stella Maris, em Salvador, na terça-feira (23). A vítima teve fratura exposta em uma das pernas e outras lesões pelo corpo.
A vítima ficou internada por dois dias e, agora, se recupera do susto em casa. O caso ocorreu logo depois da idosa chegar na agência, por volta das 16h, e tentava estacionar o carro, quando foi agredida por um homem armado.
“Quando eu estacionei, eu desci do carro e quando eu levantei já estava uma pessoa ao meu lado, praticamente me empurrando. Devo ter caído no chão. Tentei, consegui levantar de novo, tentei abrir a porta de trás do carro e quando eu vi, eu olhei para trás, não sei se ele me deu um murro, ou se ele deu uma partida e eu caí, ele me deixou caída no chão, ou o que ele fez, porque eu fiquei completamente machucada do lado direito”, contou a idosa.
[Idosa de 68 anos é espancada durante assalto; vítima teve fratura na perna]
A idosa ainda sente dores pelo corpo por causa das agressões. “Eu não posso pisar, não posso levantar o braço, eu não consigo mastigar do lado direito porque realmente há uma grande limitação. Realmente [o assalto] é uma coisa extremamente agressiva", disse.
A idosa é natural da cidade de Porto Alegre, mas mora em Salvador há 30 anos. Segundo ela, a violência cresceu muito desde quando chegou aqui.
“Não existe segurança aqui. É uma região linda, é uma das áreas mais bonitas de Salvador, mas é totalmente desprotegida. É um trauma muito grande, quando, de repente, a gente, numa situação totalmente desprovida de qualquer segurança, é totalmente agredida", afirmou.
Além dela, vários moradores da região entre Stella Maris e Praia do Flamengo reclamam da violência. Uma delas afirmou que já teve a bolsa roubada.
“Eu fui assaltada, levaram minha bolsa. A pessoa saiu da duna, onde não tem nenhum policiamento, não tem guarda municipal, não tem PM. É delicado e covarde, não tem para onde correr. A pessoa sai da duna e ficamos à mercê. O mato estava alto, eles estava escondido e saiu”, afirmou a moradora.
Em nota, a Polícia Militar informou que guarnições são posicionadas de forma estratégica e atuam com o objetivo de realizar abordagens preventivas em locais pré-definidos com base no itinerante e na mancha criminal.

terça-feira, 23 de abril de 2019

Veja Vídeo! PM fardado é preso após agredir mulher e deixá-la nua no meio da rua

Vítima também é policial militar. Agressor pagou fiança e foi liberado; veja vídeo.

Mulher foi estava no chão com rosto machucado e nua depois de ser agredida — Foto:  Foto: Arquivo pessoal
Mulher foi estava no chão com rosto machucado e nua depois de ser agredida — Foto: Foto: Arquivo pessoal

Um policial militar fardado foi preso, em Brasília, após agredir uma mulher no meio da rua na última quinta-feira (18). O G1 teve acesso a um vídeo onde é possível ver a vítima, que também é policial militar, nua e sentada entre os carros depois de ser agredida (veja vídeo acima).
As agressões aconteceram perto da Praça do Bicalho, em Taguatinga Norte. Segundo a Polícia Militar do DF, a corporação foi chamada para atender uma ocorrência de violência doméstica. No local, a equipe encontrou o 3ª sargento da PM, Evaldo Barreto Ferreira, de 45 anos e Juliana Cristina Cunha de Oliveira, também 3ª sargento da PM.
G1 teve acesso aos depoimentos prestados na delegacia. A policial disse que foi o companheiro que começou a agredi-la com murros. Segundo ela, os dois têm um relacionamento desde setembro de 2018.
“Ele dizia que eu era vadia. E que eu era o demônio e que que se eu quisesse morrer ele mataria.”
De acordo com o boletim de ocorrência, depois prestar depoimento o PM pagou uma fiança de R$ 2 mil e foi liberado. Ele vai responder por injúria, lesão corporal, dano e Lei Maria da Penha.
"Apenas imobilizou sua esposa, após ser agredido", diz boletim de ocorrência.
A PM disse que o agressor foi levado para a Corregedoria "para providências disciplinares". A arma de fogo do militar foi apreendida e entregue à Corregedoria. Sobre a vítima, a PM não quis se posicionar.
O advogado Guilherme Holuboski que defende o sargento Evaldo Barreto Ferreira disse que só vai se manifestar após o processo ser encaminhado para a Justiça.

Nua e sob efeito de remédios

As imagens feitas por pessoas que passavam pelo local mostram que a mulher foi deixada em um estacionamento, entre os carros, nua. A ocorrência policial diz que o casal brigou, dentro do carro.
A policial teria tomado medicamentos controlados. Ela admitiu que, durante a discussão, tirou a própria roupa e deu "uma cabeçada" no PM.
Em seguida, ainda de acordo com o depoimento da vítima, o militar deu um "mata-leão" nela. A policial disse que se jogou do carro, mesmo sem roupa.
Ela foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML), para fazer exame de corpo de delito.
A PM solicitou medidas protetivas de urgência e respondeu ainda ao questionário sobre violência doméstica e familiar elaborado pelo Ministério Público do Distrito Federal e pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal.
ASSISTA O VÍDEO ABAIXO:



Do G1

Menina de 6 anos raptada enquanto dormia é encontrada morta

Menina de 6 anos raptada enquanto dormia é encontrada morta
A estudante Kauani Cristhiny Soares Rodrigues, de 6 anos, foi encontrada morta na noite desta segunda-feira (22), após ficar cinco dias desaparecida em Mongaguá, no litoral de São Paulo. O corpo da menina foi localizado em região de mata, informou a polícia. Um suspeito foi detido.
O sumiço de Kauani foi notado pela própria mãe, Diana Soares de Lira, de 34 anos, ao entrar no quarto dos dois filhos e não mais encontrá-la, na madrugada de quarta-feira (17). A residência estava com a porta aberta, mas a menina não foi achada na casa, nem nas proximidades.
Diana acionou a Polícia Militar e, desde então, familiares, conhecidos e voluntários realizaram buscas pela menina em bairros do município.
Resultado de imagem para Menina de seis anos que sumiu enquanto dormia é achada morta em SP
Cães farejadores, pertencentes a Guarda Civil Municipal de Itu e Itupeva, no interior paulista, auxiliaram nas buscas nesta segunda-feira, quando o corpo dela foi encontrado após investigação da polícia. A menina estava parcialmente vestida em uma vala, na Avenida Sorocabana.
A vala localiza-se em meio a um matagal a, aproximadamente, 10 quarteirões de onde a menina morava com a mãe e com o irmão. O local foi isolado para o trabalho da perícia. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande, responsável pela região.
Um homem, suspeito de estar envolvido com a morte da menina, foi detido por investigadores. Oficialmente, a polícia ainda não divulgou detalhes sobre a identidade do suspeito, a relação dele com a família da vítima e as reais circunstâncias do crime.
G1-SP Via Itambé Agora

sexta-feira, 19 de abril de 2019

Veja Vídeo: Homem abusa sexualmente de cadela porque a esposa estava menstruada

Veja Vídeo: Homem abusa sexualmente de cadela porque a esposa estava menstruada
Uma cadela foi abusada sexualmente pelo tutor, nesta quinta-feira (18), no bairro do Barreiro, em Belém. Ele foi identificado como Raimundo Nonato Ferreira de Nazaré e, em depoimento à polícia, confessou o crime e disse que fez o ato porque a esposa estava menstruada.
Uma equipe da Divisão Especializada em Meio Ambiente (Dema) recebeu a denúncia e foi até a casa do acusado, localizada na Passagem Stélio Maroja, no bairro do Barreiro, em Belém. Em seguida, ele foi encaminhado para a delegacia, junto com o animal, onde confessou o crime. Ele alegou que a esposa não sabia do abuso sexual.
De acordo com informações da Polícia Civil, o fato ocorreu na última segunda-feira (15), mas a denúncia foi feita nesta quinta. Os policiais civis que estavam de plantão receberam a denúncia e foram até Pronto Socorro da 14 de Março, local onde o acusado se encontrava e o encaminharam até a Dema para apresentação e adoção das providências cabíveis
A Polícia Civil informou ainda que foi requisitada perícia ao Centro de Perícia Renato Chaves para o acusado, que nesta quinta-feira apresentava uma coloração estranha em sua genitália.
Raquel Viana, responsável pelo abrigo AuFamily, que resgatou o animal, desabafou sobre o caso. “Eu peguei o animal e levei para a clínica, onde ela vai passar por exames. Ela também será encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) para passar por perícia, mas enquanto isso o homem já foi liberado”.

“Ela ficará aos nossos cuidados até decisão judicial. Ele confessou o crime e nada acontecerá com esse ‘vagabundo’, porque nesse país o crime compensa. Infelizmente eu não posso expor ele”, completa. A cadela será batizada de Sol.


Fonte: https://mceara.com/homem-abusa-sexualmente-de-cadela-porque-a-esposa-estava-menstruada-veja-o-video/#ixzz5lYNx0ay7

Mulher se joga na frente de carros e caminhões após descobrir traição

A mulher dizia não tem mais vontade de viver
]
Uma mulher traída tentou se matar na noite de quinta-feira (18) após beber em um bar na região da Avenida Imigrantes com Rua Anita Garibaldi, bairro Costa e Silva, zona Norte de Porto Velho (RO).
 CHIFRE: Mulher se joga na frente de carros e caminhões após descobrir traição
Testemunhas disseram para a polícia que enquanto bebia no bar a mulher chorava dizendo que havia descoberto uma traição do marido e não tinha mais vontade se viver.
Após isso, ela saiu andando no meio da Avenida Imigrantes e se jogava na frente de carros e caminhões, que desviavam para não atingir a mulher. Alguns populares tentavam ajudá-la segurando-a pelos braços, porém, ela acabou se jogando no asfalto.

Uma ambulância de resgate foi acionada e encaminhou a mulher para uma unidade de saúde, na qual ficou até passar o efeito do álcool.

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Horror! Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto

Horror! Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto
A vítima contou que estava saindo de casa para o trabalho, no momento em que se deparou com o ex-marido
GRÁVIDA: Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto
Everton R. P. B., 18, é suspeito de espancar a ex-mulher de 31 anos, que está grávida. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (18) no bairro Aponiã, em Porto Velho (RO). O suspeito exigia que a mulher abortasse o bebê.

A vítima contou que estava saindo de casa para o trabalho, no momento em que se deparou com o ex-marido. Ele logo passou a agredi-la com socos e chutes, jogando ela ao chão.
O suspeito dizia que era para a mulher tirar o bebê (abortar). A vítima ficou caída e o suspeito ainda foi até a casa dele para furtar um som Home Theater e um tênis de cor rosa. Após isso, ele fugiu do local.

A mulher acionou a PM, que fez buscas, mas o suspeito não foi localizado. A vítima foi medicada e por sorte não perdeu o bebê.


quarta-feira, 17 de abril de 2019

Brutal!! Mulher é espancada até a morte pelo marido

Brutal!! Mulher é espancada até a morte pelo marido


Um caso brutal foi registrado na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Uma mulher de 28 anos foi agredida até a morte pelo companheiro nesta terça-feira (16/04), no município de Mata de São João. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).
Tatiane Conceição Aurelino, de 28 anos, foi espancada com socos e pontapés. O principal suspeito de cometer o crime foi identificado pela polícia como Willian Santos Barbosa.
De acordo com informações da Polícia, o casal tinha uma filha de três meses. A irmã da vítima informou que Tatiane estava se relacionando com Willian há um ano e meio e já tinha sido agredida pelo acusado outras vezes. O casal possuí um histórico de brigas e discussões.

Entenda o crime

As informações iniciais, que ainda serão apuradas pela Polícia Civil, é de que Tatiane estava viajando e retornou, na noite desta segunda-feira (15), para casa onde morava com o suspeito.
Segundo a SSP-BA, o crime aconteceu por volta 1 hora da madrugada de hoje. Tatiane foi agredida dentro da residencia do casal localizada na Rua do Campo. Vizinhos ouviram barulhos e  chamaram familiares da jovem, que por sua vez, acionaram a Polícia Militar.
Os agentes foram ao local indicado e encontrou a mulher já sem sinais vitais. O suspeito do crime fugiu da casa e está foragido. A polícia divulgou números de contatos e pede informações sobre o paradeiro do acusado através do telefone (71) 98859-2904 ou 3635-0500.
Além da bebê de três meses, a dona de casa deixa outros três filhos de relacionamentos anteriores. As crianças estão com família dela.
O corpo de Tatiane foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IMl) de Camaçari, onde passa por necropsia. O sepultamento deve acontecer nesta quarta-feira (17/04).
A Polícia Civil apura o caso. O acusado será autuado pelo crime de feminicídio contra a própria esposa. Femicídio ou feminicídio é um termo de crime utilizado para definir assassinatos de mulheres. Ou seja, quando a vítima é morta por ser mulher.

Feminicídio

Nos últimos tempos, os registros de feminicídio no Brasil cresceram em um ano, segundo um levantamento com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal.

Penalidades

Desde de 2015, a legislação brasileira prevê penalidades mais graves para homicídios que se encaixam na definição de feminicídio, mais ainda assim não é suficiente para banir essa prática.