terça-feira, 23 de abril de 2019

Menina de 6 anos raptada enquanto dormia é encontrada morta

Menina de 6 anos raptada enquanto dormia é encontrada morta
A estudante Kauani Cristhiny Soares Rodrigues, de 6 anos, foi encontrada morta na noite desta segunda-feira (22), após ficar cinco dias desaparecida em Mongaguá, no litoral de São Paulo. O corpo da menina foi localizado em região de mata, informou a polícia. Um suspeito foi detido.
O sumiço de Kauani foi notado pela própria mãe, Diana Soares de Lira, de 34 anos, ao entrar no quarto dos dois filhos e não mais encontrá-la, na madrugada de quarta-feira (17). A residência estava com a porta aberta, mas a menina não foi achada na casa, nem nas proximidades.
Diana acionou a Polícia Militar e, desde então, familiares, conhecidos e voluntários realizaram buscas pela menina em bairros do município.
Resultado de imagem para Menina de seis anos que sumiu enquanto dormia é achada morta em SP
Cães farejadores, pertencentes a Guarda Civil Municipal de Itu e Itupeva, no interior paulista, auxiliaram nas buscas nesta segunda-feira, quando o corpo dela foi encontrado após investigação da polícia. A menina estava parcialmente vestida em uma vala, na Avenida Sorocabana.
A vala localiza-se em meio a um matagal a, aproximadamente, 10 quarteirões de onde a menina morava com a mãe e com o irmão. O local foi isolado para o trabalho da perícia. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande, responsável pela região.
Um homem, suspeito de estar envolvido com a morte da menina, foi detido por investigadores. Oficialmente, a polícia ainda não divulgou detalhes sobre a identidade do suspeito, a relação dele com a família da vítima e as reais circunstâncias do crime.
G1-SP Via Itambé Agora

sexta-feira, 19 de abril de 2019

Veja Vídeo: Homem abusa sexualmente de cadela porque a esposa estava menstruada

Veja Vídeo: Homem abusa sexualmente de cadela porque a esposa estava menstruada
Uma cadela foi abusada sexualmente pelo tutor, nesta quinta-feira (18), no bairro do Barreiro, em Belém. Ele foi identificado como Raimundo Nonato Ferreira de Nazaré e, em depoimento à polícia, confessou o crime e disse que fez o ato porque a esposa estava menstruada.
Uma equipe da Divisão Especializada em Meio Ambiente (Dema) recebeu a denúncia e foi até a casa do acusado, localizada na Passagem Stélio Maroja, no bairro do Barreiro, em Belém. Em seguida, ele foi encaminhado para a delegacia, junto com o animal, onde confessou o crime. Ele alegou que a esposa não sabia do abuso sexual.
De acordo com informações da Polícia Civil, o fato ocorreu na última segunda-feira (15), mas a denúncia foi feita nesta quinta. Os policiais civis que estavam de plantão receberam a denúncia e foram até Pronto Socorro da 14 de Março, local onde o acusado se encontrava e o encaminharam até a Dema para apresentação e adoção das providências cabíveis
A Polícia Civil informou ainda que foi requisitada perícia ao Centro de Perícia Renato Chaves para o acusado, que nesta quinta-feira apresentava uma coloração estranha em sua genitália.
Raquel Viana, responsável pelo abrigo AuFamily, que resgatou o animal, desabafou sobre o caso. “Eu peguei o animal e levei para a clínica, onde ela vai passar por exames. Ela também será encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) para passar por perícia, mas enquanto isso o homem já foi liberado”.

“Ela ficará aos nossos cuidados até decisão judicial. Ele confessou o crime e nada acontecerá com esse ‘vagabundo’, porque nesse país o crime compensa. Infelizmente eu não posso expor ele”, completa. A cadela será batizada de Sol.


Fonte: https://mceara.com/homem-abusa-sexualmente-de-cadela-porque-a-esposa-estava-menstruada-veja-o-video/#ixzz5lYNx0ay7

Mulher se joga na frente de carros e caminhões após descobrir traição

A mulher dizia não tem mais vontade de viver
]
Uma mulher traída tentou se matar na noite de quinta-feira (18) após beber em um bar na região da Avenida Imigrantes com Rua Anita Garibaldi, bairro Costa e Silva, zona Norte de Porto Velho (RO).
 CHIFRE: Mulher se joga na frente de carros e caminhões após descobrir traição
Testemunhas disseram para a polícia que enquanto bebia no bar a mulher chorava dizendo que havia descoberto uma traição do marido e não tinha mais vontade se viver.
Após isso, ela saiu andando no meio da Avenida Imigrantes e se jogava na frente de carros e caminhões, que desviavam para não atingir a mulher. Alguns populares tentavam ajudá-la segurando-a pelos braços, porém, ela acabou se jogando no asfalto.

Uma ambulância de resgate foi acionada e encaminhou a mulher para uma unidade de saúde, na qual ficou até passar o efeito do álcool.

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Horror! Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto

Horror! Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto
A vítima contou que estava saindo de casa para o trabalho, no momento em que se deparou com o ex-marido
GRÁVIDA: Ex-marido espanca mulher no meio da rua para provocar aborto
Everton R. P. B., 18, é suspeito de espancar a ex-mulher de 31 anos, que está grávida. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (18) no bairro Aponiã, em Porto Velho (RO). O suspeito exigia que a mulher abortasse o bebê.

A vítima contou que estava saindo de casa para o trabalho, no momento em que se deparou com o ex-marido. Ele logo passou a agredi-la com socos e chutes, jogando ela ao chão.
O suspeito dizia que era para a mulher tirar o bebê (abortar). A vítima ficou caída e o suspeito ainda foi até a casa dele para furtar um som Home Theater e um tênis de cor rosa. Após isso, ele fugiu do local.

A mulher acionou a PM, que fez buscas, mas o suspeito não foi localizado. A vítima foi medicada e por sorte não perdeu o bebê.


quarta-feira, 17 de abril de 2019

Brutal!! Mulher é espancada até a morte pelo marido

Brutal!! Mulher é espancada até a morte pelo marido


Um caso brutal foi registrado na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Uma mulher de 28 anos foi agredida até a morte pelo companheiro nesta terça-feira (16/04), no município de Mata de São João. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).
Tatiane Conceição Aurelino, de 28 anos, foi espancada com socos e pontapés. O principal suspeito de cometer o crime foi identificado pela polícia como Willian Santos Barbosa.
De acordo com informações da Polícia, o casal tinha uma filha de três meses. A irmã da vítima informou que Tatiane estava se relacionando com Willian há um ano e meio e já tinha sido agredida pelo acusado outras vezes. O casal possuí um histórico de brigas e discussões.

Entenda o crime

As informações iniciais, que ainda serão apuradas pela Polícia Civil, é de que Tatiane estava viajando e retornou, na noite desta segunda-feira (15), para casa onde morava com o suspeito.
Segundo a SSP-BA, o crime aconteceu por volta 1 hora da madrugada de hoje. Tatiane foi agredida dentro da residencia do casal localizada na Rua do Campo. Vizinhos ouviram barulhos e  chamaram familiares da jovem, que por sua vez, acionaram a Polícia Militar.
Os agentes foram ao local indicado e encontrou a mulher já sem sinais vitais. O suspeito do crime fugiu da casa e está foragido. A polícia divulgou números de contatos e pede informações sobre o paradeiro do acusado através do telefone (71) 98859-2904 ou 3635-0500.
Além da bebê de três meses, a dona de casa deixa outros três filhos de relacionamentos anteriores. As crianças estão com família dela.
O corpo de Tatiane foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IMl) de Camaçari, onde passa por necropsia. O sepultamento deve acontecer nesta quarta-feira (17/04).
A Polícia Civil apura o caso. O acusado será autuado pelo crime de feminicídio contra a própria esposa. Femicídio ou feminicídio é um termo de crime utilizado para definir assassinatos de mulheres. Ou seja, quando a vítima é morta por ser mulher.

Feminicídio

Nos últimos tempos, os registros de feminicídio no Brasil cresceram em um ano, segundo um levantamento com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal.

Penalidades

Desde de 2015, a legislação brasileira prevê penalidades mais graves para homicídios que se encaixam na definição de feminicídio, mais ainda assim não é suficiente para banir essa prática.

segunda-feira, 15 de abril de 2019

Veja Vídeo! Censura não! Senadores Kajuru e Reguffe se pronunciam sobre censura do STF a matéria contra Toffoli


Os senadores Reguffe e Jorge Kajuru realizaram um protesto veemente após o STF ordenar a retirada do ar de uma publicação que trazia informações sobre Dias Toffoli.
“Acabei de saber da censura. Quero aqui prestar minha solidariedade a esses dois veículos de comunicação. Não cabe a censura neste país. Não cabe ao Supremo Tribunal Federal agir com corporativismo neste caso (…) Esse país está vivendo tempos estranhos, este é mais um motivo para a CPI da ‘Lava Toga’ e para analisar os pedidos de impeachment de ministros do STF”, declarou Reguffe.
Kajuru, no ensejo, fez referência a uma grave denúncia do jornalista Augusto Nunes contra Gilmar Mendes. Assista ao vídeo, manifeste a sua opinião e deixe o seu like se você apoia a CPI “Lava Toga”.
Veja o Vídeo



Fonte: https://www.newsatual.com/senadores-kajuru-e-reguffe-se-pronunciam-sobre-censura-do-stf-a-materia-contra-toffoli/?fbclid=IwAR0UTBc-rRjEY6KaAH17X4QbuTVdn24QTAAKU3Vn4CR_rWkQ6Y-IbY0So5s

domingo, 14 de abril de 2019

Avô é suspeito de mandar matar neto para ficar com a mulher dele

Avô é suspeito de mandar matar neto para ficar com a mulher dele
Antônio Dionísio [Avô], e os autores homicídio, Wilson e Leandro | Foto: divulgação/Polícia Civil
Sabemos que algumas histórias parecem inacreditáveis demais para terem acontecido fora das telas de cinema. Mas, acredite ou não, a vida real é capaz de superar qualquer cena de ficção. E foi justamente isso que aconteceu na Bahia.
Nesta sexta-feira (12/04), a Polícia Civil baiana desvendou o mistério que cercava a morte de Leandro dos Santos Adorno, um jovem de 27 anos. Ele foi encontrado morto com uma cruz feita no tórax – com material perfurocortante – com várias perfurações no rosto provocadas por golpes de faca – isso aconteceu em outubro de 2018, mas o caso era um mistério até que equipes da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa, na Bahia, cumpriram os mandados de prisão preventiva de três envolvidos no homicídio do jovem. Foi aí que veio a surpresa. Conforme as investigações, o avô da vítima, Antônio Dionísio Correia dos Santos é o mandante do crime, no distrito de Ipuaçu, me de Feira de Santana, na Bahia.
De acordo com delegado Fabrício Linard, titular da DHPP/Feira, o avô planejou o assassinato e encomendou a morte do neto por ciúmes. “Ele nutria uma paixão não correspondida pela companheira da vítima e tinha muito ciúmes dela”, destacou os investigadores.
Além de Antônio Dionísio [Avô], também foram presos os autores homicídio, Wilson Santos Rodrigues, o “Parrudo” e Leandro dos Santos Vasconcelos, o “Léo”. Eles foram presos e levados para o Presídio Regional de Feira de Santana, onde permanecem à disposição da Justiça. As investigações seguem a cargo do DHPP.

segunda-feira, 8 de abril de 2019

Pai mata filha de 11 anos durante briga com a esposa

Pai mata filha de 11 anos durante briga com a esposa
-
Foto: Reprodução / redes sociais
Um homem, até o momento identificado como “Buti da Rifa”, atingiu seus dois filhos (uma menina e um menino) com disparos de arma de fogo no povoado do Mil Peixes, em São José do Itaporã, distrito da cidade de Muritiba, no recôncavo baiano, na noite deste domingo (07).
Segundo as primeiras informações, o homem estava brigando com a esposa, quando teria sacado um revolver, os filhos então na intenção de defender a mãe teria entrado na frente e foram atingidos pelos disparos.
A menina de 11 anos não resistiu aos ferimentos e veio a óbito, já o irmão de apenas 5 anos, foi socorrido até a unidade de Pronto Atendimento do distrito e em seguida encaminhado por uma ambulância do SAMU para o HRSAJ (Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus). Seu estado de saúde não foi divulgado. O acusado está foragido e sendo procurado pela policia.
Informações: Cruz das Almas News
Voz da Bahia

domingo, 7 de abril de 2019

Tristeza! Filha de 15 anos de procurador de estado comete suicídio

Tristeza! Filha de 15 anos de procurador de estado comete suicídio
Aline Silva tinha 15 anos e era neta da apresentadora de televisão Janete Silva e do empresário Raul Silva. O pai dela, Raul Júnior, é procurador do Estado. A garota cometeu suicídio.

O Centro Integrado em Operações da Defesa Social (Ciodes) confirmou a morte da adolescente Aline Brito Silva, de 15 anos, por enforcamento. O óbito foi confirmado, segundo o Ciodes, por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que foi acionado por volta de 20h30 desta sexta-feira (05).
O caso ocorreu na residência da família, localizada na Avenida Ceará, bairro Pacoval, zona norte de Macapá. A adolescente era filha do procurador do Estado, Raul Silva Júnior. A menina era bastante conhecida pelas aparições junto à apresentadora de televisão, Janete Silva, e do empresário Raul Silva.

A morte prematura da adolescente ganhou rapidamente as redes sociais em tom de comoção. Mensagens de apoio pela perda brusca foram direcionadas à família. O tio de Aline, o empresário Jack Silva, usou também sua conta em uma rede social para confirmar a morte da adolescente e pediu orações à família e agradeceu as manifestações públicas.
Em nota o governo do Amapá externou profundo pesar pelo falecimento prematuro de Aline Silva. “Neste momento difícil em que os familiares consternados enfrentam a dor desta perda inestimável, o governo do Estado apresenta profundas condolências hipotecando solidariedade. Que Deus conforte a todos para que possam suportar este momento com serenidade”, diz um trecho da nota.

Tristesa! Menina de 8 anos tem a perna amputada após ser atingida por linha de cerol

Tristesa! Menina de 8 anos tem a perna amputada após ser atingida por linha de cerol
A menina Eloah Macedo, de 8 anos, ferida ao ser atingida por uma linha chilena (linha de cerol), quando descia uma passarela na Avenida Brasil semana passada, passou por uma cirurgia para amputar a perna direita neste sábado (6).
O acidente ocorreu no domingo (31/03). A menina foi socorrida e levada para o Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, na Zona Oeste, mesmo bairro em que ela foi atingida pela linha de pipa.
Segundo a mãe de Eloah, Vanessa Macedo, por volta das 16h15 deste sábado ela ainda estava no centro cirúrgico. Durante a semana ela tinha passado por outra cirurgia: ficou em coma induzido porque tiveram que tirar uma veia do pé para colocar na perna para ajudar na circulação do sangue.
As duas estavam indo para um ponto de ônibus no momento do acidente. Vanessa contou que Eloah soltou de sua mãe e correu na frente, mas não viu a linha esticada na calçada, sendo atingida nas duas pernas, na altura do joelho.//G1

sábado, 6 de abril de 2019

Menina de 13 anos é violentada por 5 colegas; crime é gravado e compartilhado

Menina de 13 anos é violentada por 5 colegas; crime é gravado e compartilhado
O pivô dos crimes foi o namorado da vítima, que já sofria ameaças e retaliações protagonizadas por ele desde o ano passado.

Divulgação
Divulgação
Uma adolescente de 13 anos foi coagida, ameaçada, estuprada e agredida por cinco colegas de escola em Pompéu, cidade da região Central de Minas com cerca de 30 mil habitantes. Os autores ainda gravaram o crime e compartilharam o vídeo por redes sociais. Importante reforçar que, desde o ano passado, compartilhar ou oferecer cenas de estupro é crime e pode render até 5 anos de prisão (leia mais abaixo).
O pivô dos crimes foi o namorado da vítima, que já sofria ameaças e retaliações protagonizadas por ele desde o ano passado. “Ela iniciou um relacionamento com o adolescente, mas achou que seria de uma forma e não foi. Começou a perceber que ele não era uma pessoa muito confiável e ficou com muito medo”, relata ao BHAZ a advogada da família da vítima, Débora Dutra.
A adolescente chegou a avisar a família, que foi à escola para que o problema fosse solucionado. “A escola se posicionou para resolver tudo amigavelmente. A família achou que tudo havia se resolvido, mas, na verdade, as ameaças continuaram. Com medo das chantagens, a menina parou de relatar à família”, afirma a defensora.
No fim de março, o namorado chamou a vítima para ir a um local abandonado, próximo à escola. Lá, mesmo com seguidos pedidos da adolescente para que o crime não fosse cometido, o autor a estuprou e filmou as cenas.
No dia seguinte, nova intimidação e novos crimes. “Ela estava na porta da escola, quando o rapaz a ameaçou. Disse que divulgaria o vídeo gravado no dia anterior se ela não fosse ao mesmo local. Apavorada com a possibilidade de ter a intimidade exposta, ela foi”, diz Dutra.
Chegando ao espaço, uma nova armadilha: quatro outros colegas estavam lá, esperando pela vítima. Durante a violência sexual, a adolescente ainda recebeu xingamentos, tapas, socos e puxões de cabelo dos cinco adolescentes, que filmaram e divulgaram as cenas nas redes sociais. “Ela não falou nada para a família, mas eles perceberam que o comportamento dela havia mudado. Ela chora muito, não está comendo”.
A família percebeu que tinha alguma ligação com a instituição de ensino e pediu a transferência da adolescente na última segunda-feira (1º). A suspeita é que os autores ficaram sabendo do pedido e, como retaliação, divulgaram o vídeo do estupro coletivo. No dia seguinte, a família foi à polícia registrar a ocorrência.
Procurada pelo BHAZ, a Polícia Civil informou que as investigações estão em andamento e que foi instaurado um inquérito policial para a apuração dos fatos, e a vítima realizou exame de corpo de delito. O Ministério Público e o Conselho Tutelar também já foram acionados.
“A título educativo, acredito que, se os fatos forem devidamente apurados, haverá sim punição. O que estamos desejosos é que tenha uma punição para que sirva de exemplo para outros meninos e meninas”, explica Dutra.
A escola foi procurada durante todo o dia pelo BHAZ. Se a instituição desejar se manifestar, esta reportagem será atualizada. O nome da unidade de educação foi preservado para não expor ainda mais a vítima.
Compartilhar = prisão
A pessoa que recebeu o vídeo do estupro, mesmo estando em outra cidade ou Estado, não deve baixar as imagens e deletá-las imediatamente. É crime “oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, vender ou expor à venda, distribuir, publicar ou divulgar, por qualquer meio – inclusive por meio de comunicação de massa ou sistema de informática ou telemática -, fotografia, vídeo ou outro registro audiovisual que contenha cena de estupro ou de estupro de vulnerável ou que faça apologia ou induza a sua prática, ou, sem o consentimento da vítima, cena de sexo, nudez ou pornografia”.
A lei que criminaliza a divulgação desse tipo de imagem foi sancionada em setembro do ano passado e prevê prisão de 1 a 5 anos. A importunação sexual foi definida em termos legais como a prática de ato libidinoso contra alguém sem a sua anuência “com o objetivo de satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro”. Essa tipificação substituiu a contravenção penal de “importunação ofensiva ao pudor”.
Já o crime de estupro é previsto no art. 213, e consiste em “constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso”. Mesmo que não exista a conjunção carnal, o criminoso pode ser condenado a uma pena de reclusão de 6 a 10 anos. Quando o crime é cometido contra menor de 14 anos, torna-se estupro de vulnerável e a pena aumenta para 8 a 15 anos de prisão.

sexta-feira, 5 de abril de 2019

Horror! Advogado é suspeito de matar namorada e conservava corpo com sacos de gelo

Horror! Advogado é suspeito de matar namorada e  conservava corpo com sacos de gelo
Divulgação
Divulgação
O advogado Paulo de Carvalho Souza, 42 anos, se entregou à polícia na noite dessa quarta-feira (3/4) após ficar mais de 24 horas ameaçando se jogar do prédio em que morava em Balneário Camboriú, litoral de Santa Catarina. Ele é suspeito de ter matado a namorada e mantido o corpo dela escondido dentro do apartamento.
O homem teria comprado, segundo testemunhas, sacos de gelo para conservar o cadáver e evitar que o cheiro chamasse a atenção dos vizinhos. A namorada dele também era advogada e tinha 30 anos. A família de Lucimara Stasiak informou que os dois estavam juntos há um ano e ela nunca falou sobre atos de violência por parte do companheiro.
Os policiais foram chamados por pessoas que moram no prédio onde o casal residia. Os vizinhos contaram aos militares que estranharam o fato de o homem carregar para o imóvel vários sacos de gelo. Testemunhas contaram que Lucimara foi vista pela última vez na quinta-feira (27/3), quando escutaram uma discussão entre os dois no local.
Depois que o crime foi descoberto, Souza se trancou na sacada e a polícia passou a negociar a rendição. Uma equipe especializada conversava com o advogado, que aparentava estar em surto psicótico.
Além da atitude estranha, a vizinhança decidiu chamar a Polícia Militar por causa de um cheiro forte que saía do apartamento do casal. O caso é tratado como feminicídio.
A Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina publicou uma nota de pesar referente ao episódio e decretou luto oficial pelo período de três dias.
“Ficamos consternados com o ocorrido e não aceitamos qualquer tipo de violência. Estamos falando da vida de uma pessoa, o bem mais precioso que temos, suprimida em circunstâncias dramáticas”, declarou o presidente da OAB/SC, Rafael Horn, por meio de nota.//Metrópoles

quinta-feira, 4 de abril de 2019

Tentativa de assalto a bancos termina com 11 bandidos mortos

Tentativa de assalto a bancos termina com 11 bandidos mortos
Uma tentativa de roubo a dois bancos terminou com tiroteio e 11 mortos em Guararema, cidade paulista a cerca de 80 quilômetros da capital, na madrugada desta quinta-feira (4). De acordo com a Polícia Militar, eram ao menos 25 criminosos e 11 deles morreram. Até a última atualização desta reportagem, um suspeito havia sido preso.
Uma família foi feita refém durante a fuga de um dos assaltantes, mas não se feriu. O criminoso que manteve os reféns morreu ao ser baleado.
A ação começou por volta das 4h na região central da cidade. De acordo com o comandante da Rota Mario Alves da Silva, os assaltantes, fortemente armados, estavam em cinco veículos blindados. Eles invadiram uma agência do Banco do Brasil e outra do Santander. Moradores da região gravaram o som dos tiros trocados entre assaltantes e policiais.
Em nota, o Santander citou “tentativa de furto” e informou colaborar com as investigações, assim como o Banco do Brasil, que informou ter tido a agência “vandalizada” e que analisa os danos ao prédio. As duas agências não abrirão nos próximos dias.
Foram apreendidos com a quadrilha sete fuzis, quatro pistolas, duas calibre 12 e vários explosivos. “Não conseguimos, ainda, apurar toda a munição que existe, tendo em vista que o local está sendo preservado. Não podemos mexer nos locais”, disse Silva.
Dos 11 assaltantes mortos, sete foram atingidos por balas durante troca de tiros em bloqueio feito por policiais da Rota (leia mais ao final da reportagem) na Estrada Hércules Campanholi, que dá acesso ao centro do município.
Outro morto foi baleado na casa da família refém. Ainda houve um morto em um matagal e um em outro trecho da estrada onde a Rota fez bloqueio.
O Banco do Brasil invadido é vizinho de parede da delegacia da cidade. A distância entre as duas agências alvo dos criminosos é de menos de 300 metros. Os bancos ficam a cerca de 500 metros da Prefeitura de Guararema, cidade turística com pouco mais de 28 mil habitantes. O município já chegou a ficar ao menos 2 anos e meio sem registrar homicídios.
Durante a ação dos assaltantes nesta madrugada, as bombas colocadas no banco Santander não chegaram a ser detonadas. Explosivos foram achados no interior das agências. Os criminosos também metralharam a fachada de uma loja. Por volta de 7h40, carros da polícia chegavam ao local do assalto para analisar uma suspeita de bomba em um veículo.
Policiais militares informaram que nenhum agente da corporação ficou ferido durante a ação contra os criminosos. De acordo com a Rota, a quadrilha já vinha sendo investigada pela polícia e pelo Ministério Público, e havia a informação de que o grupo executaria roubos na região da Grande São Paulo. O MP informou que a investigação durou quatro meses. G1

sábado, 30 de março de 2019

Horror! Mulher é esganada até a morte pelo marido

Horror! Mulher é esganada até a morte pelo marido
A jovem Ana Cláudia Melo Benjamim, 28 anos, foi morta por asfixia (esganadura), na madrugada deste sábado (30), em Guararapes. O marido da vítima, Felipe Carvalho Nogueira, 28, é o principal suspeito do crime e está foragido.
O homicídio aconteceu na casa deles, no bairro Francisco Antonioli, periferia de Guararapes. Eles eram casados há sete anos.
A filha do casal, de dois anos de idade, dormia em um dos quartos da residência quando a mãe foi morta. O outro filho, de cinco anos, estava na casa de parentes na hora do crime.
Ana Cláudia e Felipe eram casados há sete anos e tinham dois filhos
A polícia foi chamada por familiares da vítima, por volta das 6h deste sábado. A mulher já havia sido socorrida por uma ambulância, mas morreu a caminho do pronto-socorro da cidade.
Policiais que atenderam a ocorrência informaram que não foi encontrado nenhum objeto que possa ter sido usado no crime, o que indica que o acusado a matou com as próprias mãos.
Segundo relatos de amigos da vítima, Ana Cláudia foi encontrada com o rosto deformado, o pescoço roxo e com marcas de violência sexual. A suspeita é de que o acusado tenha violentado e agredido a mulher antes de matá-la.
A polícia procura pistas do suspeito, que trabalhava como operador de tratamento de caldo em uma usina de açúcar e álcool.

Tragédia! Policial civil mata mulher a tiros dentro de casa e comete suicídio

Tragédia! Policial civil mata mulher a tiros dentro de casa e comete suicídio
Familiares foram até a residência do casal após o policial civil não ir ao trabalho. Bianca Barbosa Lopes e Caio Paziani Escobosa foram achados mortos dentro do imóvel; pistola usada foi apreendida.


Um policial civil matou a tiros a mulher Bianca Barbosa Lopes, de 25 anos, na casa onde moravam, no Residencial São Jorge, nesta sexta-feira (29), em Itajobi (SP). Segundo o boletim de ocorrência, depois do crime, Caio Paziani Escobosa cometeu suicídio.
Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, familiares foram até a casa de Caio, localizada na Avenida Pedra Preciosa, após ele não aparecer para trabalhar durante o período da manhã. No local, eles encontraram o casal morto e baleado no quarto.
“Como ele não veio trabalhar, achamos estranho e ligamos para os familiares, que foram até a casa deles e encontraram os dois sem vida”, afirma o delegado Marcos Júlio Cornacchia.
O policial civil foi achado com a arma, uma pistola, na mão. Já a mulher estava deitada ao lado com ferimentos pelo corpo.
Ainda segundo a polícia, foram encontradas pela perícia seis projéteis deflagrados no chão do quarto.
Um boletim de ocorrência foi registrado como feminicídio seguido de suicídio. A polícia investiga a motivação do crime. A arma foi apreendida.
O sepultamento de Bianca Barbosa Lopes será realizado na tarde desta sexta-feira (29) e o enterro na manhã de sábado (30) no Cemitério Jardim Monsenhor Albino.

Casal de lésbica é preso suspeito de torturar e estuprar menina de 4 anos

Casal de lésbica é preso suspeito de torturar e estuprar menina de 4 anos
Um casal de lésbicas foi preso na quinta-feira (28) suspeito de torturar e estuprar uma menina de 4 anos no distrito de Paquevira, em Canhotinho, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, a criança contou o crime à professora.
Criança vítima de tortura e estupro em Canhotinho também apresentava queimadura no pescoço — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Criança vítima de tortura e estupro em Canhotinho também apresentava queimadura no pescoço — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Ainda segundo a polícia, as agricultoras criavam a garota como se fosse filha delas. Na escola, a professora observou sinais de agressão na menina e perguntou o que tinha acontecido. Foi quando a vítima contou que uma das mães a tinha queimado com um isqueiro.
"Elas criavam a menina desde junho de 2018. No dia 27 de fevereiro [deste ano] elas foram até o Ministério Público e fizeram um termo de responsabilidade, no qual a mãe deixava essa criança com elas", informou ao G1 a delegada Tatiane Macedo.

De acordo com a delegada, a mãe da vítima contou que tinha se separado do marido e criava cinco filhos sozinha. Por não ter uma casa, a mãe da menina foi morar na residência do casal de lésbicas. "A mãe começou um novo relacionamento, saiu da casa do casal e foi morar com o rapaz, mas a menina não quis ir porque tinha se afeiçoado a uma das agricultoras", acrescentou Tatiane Macedo.

A menina apresentava queimaduras no pescoço, no ombro e no órgão sexual, conforme informou a polícia. As suspeitas foram levadas para a Delegacia de Polícia Civil e disseram que a garota havia se queimado sozinha. "Fiz o teste e a criança não sabe acender o isqueiro", disse a delegada.

A vítima passou por exames traumatológico e sexológico, que confirmaram os crimes. As agricultoras foram autuadas em flagrante por tortura e estupro de vulnerável. Elas foram apresentadas em audiência de custódia nesta sexta (29) e tiveram a prisão preventiva decretada. A criança está sob os cuidados do Conselho Tutelar de Canhotinho.

quinta-feira, 28 de março de 2019

Triste! Homem tenta furtar linguiça e pão para comer e é agredido verbalmente e fisicamente

O vídeo em que Vanderlei aparece sendo agredido viralizou na internet; nas imagens é possível ver o homem de cabeça baixa admitindo que pegou os alimentos, mas porque estava com fome


MOMENTO EM QUE HOMEM FOI FLAGRADO POR POPULARES E PROPRIETÁRIA DO MERCADO (FOTO: REPRODUÇÃO DAS REDES SOCIAIS)
Na terça-feira (26), um homem identificado apenas como Vanderlei foi pego tentando furtar pão e linguiça em um mercado de Matinhos, no litoral do Paraná. Na ocasião, ele foi visto por populares e pela proprietária do estabelecimento com os alimentos dentro da calça, e foi agredido verbalmente e fisicamente em frente ao local. 
Três famosos já se comprometeram em ajudar o homem (Foto: reprodução redes sociais)

MC Mirella pediu ajuda para seguidores

Comovida pelo caso, MC Mirella pediu ajuda aos seus seguidores nesta quarta-feira (27), para tentar localizar o senhor. Pouco tempo depois, a cantora conseguiu o contato do homem, e decidiu imediatamente ir até Matinhos para prestar ajuda ao senhor. 

Vídeo viralizou

vídeo em que Vanderlei aparece sendo agredido viralizou na internet. Nas imagens, é possível ver o homem de cabeça baixa. Ele também aparece admitindo que pegou sim os alimentos, mas porque estava com muita fome. 
 Ric Mais

quarta-feira, 27 de março de 2019

VEJA VÍDEO: Fugindo da esposa e flagrante de traição, motorista de Hilux bate de frente com ônibus

Uma colisão entre um caminhonete Hilux e um ônibus deixou pessoas feridas na noite desta terça-feira (26), na Rua Eduardo Perdigão, no bairro Parangaba, em Fortaleza/CE. Testemunhas relataram que o homem estava fugindo da mulher, que o perseguia em um outro veículo, para evitar flagrante de traição. Ele estaria com a amante e um outro rapaz dentro do automóvel.
Ainda conforme testemunhas, após o acidente, a esposa desceu de seu carro e disse que ela e o motorista da caminhonete, que seria seu marido, tiveram uma briga antes de tudo acontecer.
O motorista do veículo Hilux teria avançado a preferencial e batido em um ônibus da linha 350 – Novo Maracanaú, durante a perseguição de sua esposa. O condutor e os passageiros da caminhonete ficaram feridos e foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).  Cerca de 20 pessoas estavam no coletivo no momento do acidente e algumas tiveram ferimentos leves.

domingo, 24 de março de 2019

No Maranhão terá celulares piratas bloqueados hoje domingo 24.

No Maranhão terá celulares piratas bloqueados hoje domingo 24.

A Agência Nacional de Telecomunicações expande neste domingo (24) o bloqueio de celulares “piratas”, que não tem certificação, para todo o país. Passam a ser inclusos no bloqueio mais 15 estados, além dos 11 estados e do Distrito Federal, que passaram a ser bloqueados no final do ano passado.
Mensagens sobre irregularidade de aparelhos estavam sendo enviadas desde janeiro, alertando para o caso. Os estados que passam a entrar no bloqueio do projeto Celular Legal estão nas regiões Norte, Nordeste e Sudeste. Veja a lista completa:
  • Amapá
  • Amazonas
  • Roraima
  • Pará
  • Maranhão
  • Piauí
  • Ceará
  • Rio Grande do Norte
  • Paraíba
  • Pernambuco
  • Alagoas
  • Sergipe
  • Bahia
  • Minas Gerais
  • São Paulo
Os celulares considerados piratas são aqueles não certificados pela Anatel ou então que tenham o chamado IMEI (International Mobile Equipment Indentity) — que é o número de identificação do aparelho — adulterado, clonado ou que tenha passado por outras formas de fraude.
A Anatel consegue identificar celulares irregulares porque tem um sistema informatizado, trabalhando em parceria com operadoras de telefonia e fabricantes, e identificando aparelhos irregulares em uso na rede.
Esta é a fase final do projeto Celular Legal. Ao todo, 244.217 celulares em todo o país já foram bloqueados e foram enviadas 531.446 mensagens de aviso a celulares irregulares até o momento. Os bloqueios, segundo a Anatel, garantem mais segurança ao usuário e também reduzem o número de roubos e furtos de aparelhos, combatendo a falsificação e clonagem de IMEIs.

Meu celular está irregular?

Segundo a Anatel, para saber se um celular é certificado pela agência basta procurar por um selo da Anatel, presente no carregador e no verso da bateria. É também recomendado verificar o IMEI para saber o status do celular.
Isso pode ser feito em verificando o número que aparece na caixa e o que consta no adesivo do próprio aparelho. Depois, comparar se os dois são iguais a um outro, que aparece ao discar: *#06#

G1

sábado, 23 de março de 2019

Celular esquecido conectado à tomada em cadeira provoca incêndio em sala de prédio comercial

Celular esquecido conectado à tomada em cadeira provoca incêndio em sala de prédio comercial
Celular esquecido conectado à tomada em cadeira provocou incêndio em sala de prédio comercial em Cuiabá | Foto: Corpo de Bombeiros de Mato Grosso/
Celular esquecido conectado à tomada em cadeira provocou incêndio em sala de prédio comercial em Cuiabá | Foto: Corpo de Bombeiros de Mato Grosso/
Um pequeno incêndio na noite dessa quinta-feira (21) causou fumaça dentro de uma sala de um prédio comercial no Bairro Santa Rosa, em Cuiabá. Segundo o Corpo de Bombeiros, o principio de incêndio foi provocado possivelmente por um celular que foi esquecido carregando em cima de uma cadeira na sala. Não havia nenhuma pessoa no local e ninguém ficou ferido. O próprio sistema de prevenção de incêndios do edifício foi acionado e conteve o fogo. A situação ocorreu às 19h em uma sala do 15º andar no edifício Santa Rosa Tower. A sala pertence ao Hospital Santa Rosa. De acordo com os bombeiros, muita fumaça foi gerada por conta do princípio do incêndio. Os bombeiros abriram as janelas e se certificaram que não havia mais perigo no local. O Corpo de Bombeiros alerta para que as pessoas não coloquem celulares carregando e saiam dos ambientes em que estão. Também lembram que não é seguro deixar carregadores conectados à tomadas, mesmo que não estejam com celulares plugados. Em nota, o Grupo Santa Rosa afirmou que o pequeno incêndio ocorreu na sala de faturamento da instituição. “O incidente foi ocasionado pelo superaquecimento de um aparelho de celular conectado à tomada que foi esquecido sob uma cadeira após o horário de expediente. Automaticamente, o sistema de combate a incêndios foi acionado e conteve o fogo. Não ocorreram prejuízos materiais para a instituição”, finalizou a instituição. Notícias de Santa Luz